Coordenador : Barbara Pompeu Christovam
Ano: 2017
Publico Alvo : Pacientes cadastrados no CAIT Mazzini Bueno; pacientes de demanda espontânea e encaminhados por serviços de saúde municipais, estaduais, federais, de organizações da iniciativa privada, de movimentos sociais, de organizações não governamentais; servidores do quadro permanente da e contratados da UFF encaminhados pelo SIASS e outros, que apresentem a tuberculose doença e na forma latente e pacientes com doenças respiratórias crônicas.
Local de atuação: MFE
Resumo
A tuberculose é um problema de saúde pública mundial e considerado prioritário no Brasil, que juntamente com outros 21 países em desenvolvimento, albergam 80% dos casos mundiais da doença. Neste contexto, a iniciativa The Global Plan to Stop Tuberculosis 2011-2015, proposta pela OMS, tem como objetivo reduzir drasticamente a carga da doença, pela metade, a incidência e a mortalidade por TB até 2015 e eliminar a tuberculose como problema de saúde pública até 2050. No Brasil, o Ministério da Saúde utiliza como estratégia de consolidação e expansão do Programa Nacional de Controle da tuberculose as unidades de Atenção Básica a Saúde, sendo também responsável pelo controle das doenças respiratórias crônicas. No que se referem às doenças respiratórias crônicas, são doenças crônicas tanto das vias aéreas superiores como das inferiores. Como estratégia para enfrentar esse problema de saúde no plano mundial, a OMS criou a Global Alliance Against Chronic Respiratory Diseases. O Centro de Atenção e Investigação em Tuberculose Professor Mazzini Bueno da UFF é referência secundário para o diagnóstico, tratamento e pesquisa em tuberculose e doenças respiratórias crônica, no contexto estadual de saúde, que se articula a diversos municípios do estado do Rio de Janeiro. Ante ao exposto, o desenvolvimento desta ação de extensão justifica-se pela possibilidade de trabalho em equipe de saúde multidisciplinar, onde os saberes servirão de base para o aprimoramento das técnicas, condutas e consequentemente dos resultados a serem alcançados em prol da melhoria dos indicadores de saúde relacionados a estas patologias.