Coordenador : Fabiano Dias Monteiro
Ano: 2018
Publico Alvo : A rigor, as preocupações atinentes a este projeto de extensão e os resultados esperados são do interesse de toda a comunidade, seja ela pública, privada ou do terceiro setor. A Região da Costa Verde é composta pelos municípios de Angra dos Reis, Mangaratiba e Paraty e, de acordo com o censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2010, conta com 243.500 pessoas, das quais 223.099 residentes no espaço urbano e o restante, 20.401, nas áreas rurais. Cientes que dificilmente os resultados e propostas do projeto serão de conhecimento de todos os habitantes da região, faremos um amplo esforço de divulgação nos meios de comunicação locais e regionais (rádios, jornais e TVs) e internet (homepage do IEAR/UFF, redes sociais), visando atingir o maior público possível. Cabe ainda afirmar que se trata de um projeto de extensão em seu terceiro ano e que, em boa medida, os canais de comunicação com a comunidade estão se estabelecendo e fortalecendo nesse período, o que pode aumentar potencialmente o alcance dos seus resultados.
Local de atuação: DGP
Resumo
Esta proposta visa dar continuidade ao projeto de extensão Conjuntura Costa Verde, o qual teve as suas atividades iniciadas no ano de 2016, envolvendo professores dos cursos de licenciatura em Geografia e bacharelado em Políticas Públicas do Instituto de Educação de Angra dos Reis da UFF. O objetivo inicial do projeto foi oferecer à comunidade um retrato das condições econômicas e sociais dos municípios que compõem a Região da Costa Verde, de modo a permitir a compreensão da realidade local. Nesse caminho foram estabelecidos contatos com agentes locais da política pública, membros da sociedade civil, movimentos sociais e profissionais do terceiro setor. Secundariamente, a partir dos levantamentos de dados, reuniões com a sociedade e debates internos, buscamos criar relatórios de trabalho na forma de um amplo diagnóstico, o qual pretende fundamentar as decisões do poder público e contribuir para o debate com a sociedade civil organizada, tendo como finalidade promover a melhor qualidade de vida e o pleno desenvolvimento dos municípios. Como se trata de um projeto que visa atuar de forma continuada sobre uma dada realidade, os relatórios devem ser permanentemente confrontados com as transformações observadas na sociedade e em seu espaço, especialmente na sua integração regional. Visando inserir todos os atores/agentes, pretendemos continuar organizando workshops e seminários com os resultados obtidos da coleta e sistematização prévias de algumas variáveis, as quais foram incluídas a partir da demanda da população em nossas reuniões e seminários.