Coordenador : Ricardo Sparapan Pena
Ano: 2018
Publico Alvo : Trabalhadores e gestores da Secretaria Municipal de Saúde e serviços de Saúde Mental e Atenção Básica do município de Volta Redonda/RJ.
Local de atuação: VPS
Resumo
Este projeto constrói uma experiência de apoio da universidade à Saúde Mental em Volta Redonda/RJ, agregando alunos do curso de Psicologia da UFF, trabalhadores e gestores do SUS. Estas experiências sustentam-se no Apoio Institucional como estratégia de intervenção nos modos de fazer clínica e gestão. Simultânea à intervenção, formam-se os atores para ações não verticalizadas em saúde, buscando trabalhar esta metodologia na rede SUS do município. Através de reuniões e encontros formativo-avaliativos com estes atores, discute-se o funcionamento da rede, as formas de comunicação estabelecidas entre as equipes, os processos de trabalho nos serviços, o acolhimento e a cogestão para a tomada de decisões nos serviços. Em seu quarto ano de praticas na interface academia-SUS, enfatiza a parceria com a rede de saúde para o fortalecimento do Apoio Matricial entre os serviços de Saúde Mental e de Atenção Básica. Busca, assim, contribuir com as práticas de atenção à saúde mental em rede, ocupando-se dos produtos gerados nas relações entre trabalhadores e gestores da saúde mental e da Estratégia Saúde da Família. Atua diretamente no território, considerando a indissociabilidade entre produção de conhecimento e qualificação das práticas clinicas e de gestão no SUS.