Coordenador : Paulo Roberto Mattos da Silva
Ano: 2018
Publico Alvo : O projeto tem como público-alvo: a) Alunos do Curso de Graduação em Psicologia e de áreas afins, da Universidade Federal Fluminense assim como das instituições de ensino que se localizam na cidade de Niterói, em especial as parceiras institucionais; b) Universitários que se interessam em discutir as temáticas propostas; c) As equipes de saúde do HUAP, assim como profissionais da área de saúde das mais diversas instituições que compõem a rede de saúde de Niterói; d) Pesquisadores do Grupo de Pesquisa de Pesquisa de CONFINS: lugar de trabalho clínico e de pesquisa em psicanálise e psicopatologia fundamental; e) Estagiários do Serviço de Psicologia da Área Cirúrgica GSI/HUAP; f) Discentes das disciplinas: Psicologia Hospitalar, Clínica, corpo e discurso médico e Processos Clínicos e atenção à saúde. - disciplinas lecionadas pelos coordenadores do projeto
Local de atuação: GSI
Resumo
Este projeto encontra-se articulado com o Programa Extensionista Permanente intitulado Serviço de Psicologia da Área Cirúrgica - GSI/HUAP e com o Grupo de Pesquisa CONFINS. Este foge às propostas usuais de apresentação e discussão de filmes, pois procura escapar da mera aplicação de um saber acabado sobre os elementos presentes no contexto cinematográfico. Desde 1986, a utilização de obras cinematográficas e literárias é prática utilizada pelo grupo, apresentando resultados significativos para formação profissional, principalmente, mas não exclusivamente, na área da psicologia. Seu raio de ação atinge várias disciplinas vinculadas ao campo da saúde ao discutir dimensões críticas da experiência humana. Por essa via, pretende-se colocar em evidência elementos significativos que possam escapar de interpretações apriorísticas advindas de qualquer campo de saber. Pelo contrário, busca-se utilizar dos elementos cinematográficos para interpelar a Psicanálise e demais saberes constituídos. Abre-se, com isso, um canal de trocas multidisciplinares, que consiste em possibilitar que diversas disciplinas se debrucem sobre temas humanos, fomentando a criação de perspectivas transdisciplinares, capazes de gerar práticas produtivas, tanto na saúde quanto no contexto da aprendizagem, quando esse envolve a aquisição de habilidades psicológicas críticas de difícil assimilação, a saber, tem-se como exemplo o atendimento clínico de pacientes, aspecto importante da formação no campo psicológico. Em suma, o projeto é cenário do encontro de disciplinas na busca do entendimento sobre fenômenos humanos iluminados pelo encontro com a 7ª arte.