Coordenador : Róberson Sakabe
Ano: 2018
Publico Alvo : Este projeto de extensão visa atender o maior número de produtores rurais e funcionários que trabalham na área de piscicultura, seja de peixes de engorda ou ornamentais buscando o desenvolvimento deste segmento no estado do Rio de Janeiro. Acadêmicos de Medicina Veterinária, Ciências Biológicas e/ou Engenharia Agrícola e Ambiental e Engenharia de Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, pós-graduandos e demais profissionais da área também estão envolvidos no projeto (docentes, pesquisadores e técnicos).
Local de atuação: MZO
Resumo
Com o intuito de promover o desenvolvimento sustentável da cadeia produtiva de peixes no estado do Rio de Janeiro (RJ), este projeto de extensão visa realizar o levantamento das principais pisciculturas e implementar um programa de assistência técnica direcionado aos produtores de peixes. Para tanto, está sendo aplicado o questionário, previamente estudado e elaborado, aos proprietários de estabelecimentos aquícolas que trabalham com peixes de engorda e ornamentais, por meio de visita e entrevista. Estão sendo levantadas informações importantes que incluem: principais espécies de peixes produzidas, questionamentos relacionados à produção destes animais, ligados ao manejo produtivo geral, nutricional, reprodutivo, sanitário, identificação dos pontos críticos dentro da cadeia produtiva e soluções e aplicações práticas necessárias para o desenvolvimento deste segmento aquícola. Após o cadastramento destas propriedades, estão sendo realizadas rotineiramente visitas técnicas agendadas às propriedades para o desenvolvimento do programa de assistência técnica aos piscicultores do estado do Rio de Janeiro. No Laboratório de Aquicultura e Pesca do Departamento de Zootecnia da Faculdade de Veterinária da UFF, estão sendo processadas e discutidas todas as informações levantadas e suas portas estão abertas para novos cadastramentos e visita dos produtores já cadastrados para servir como canal de comunicação para trabalhos futuros que estarão sendo desenvolvidos na área de extensão. Assim, com os resultados obtidos neste trabalho, a expectativa é o agrupamento das informações mais relevantes da cadeia produtiva de peixes, identificação dos pontos críticos, difusão de tecnologia por meio da adoção das boas práticas de manejo e consequente fortalecimento deste setor.