Coordenador : Ana Lucia Abrahao da Silva
Ano: 2018
Publico Alvo : Profissionais de saúde que estejam em situação de gestão do sistema único de saúde
Local de atuação: MEM
Resumo
A relevância desta proposta reside no avanço da descentralização da política de saúde, nos últimos anos, em que todos os municípios experimentam a gestão plena do sistema local de saúde. Um avanço, que reúne diferentes realidades e modos da gestão do trabalho em saúde. Um curso que toma como foco a experiência e o trabalho como pedagógico, amplia as possibilidades de construção de modos de gestão e de trabalho singulares no sistema de saúde brasileiro, apoiado no fato de ser capaz de atender a diversidade de cenários que se fazem presentes hoje e dos desafios dos gestores do sistema. A originalidade desta proposta encontra-se na modalidade à distância e em sua capacidade de proporcionar ao aluno/gestor reflexão sobre o seu processo micropolitico de trabalho. Neste sentido o curso incorpora a teoria acadêmica do conceito micropolítica no processo de trabalho e da gestão em saúde, ampliando a perspectiva de um curso a ser desenvolvido a partir de elementos presentes no cotidiano do trabalho do gestor do SUS. Voltado para os problemas de gestão e do trabalho em rede do SUS, a demanda para este curso é centralizada nos profissionais de saúde que ocupam cargo de gestão nos municípios e nos estados brasileiros. Capacitar este grupo é fortalecer a prática democrática presente no ideário da reforma sanitária brasileira.