Coordenador : Jairo Werner Junior
Ano: 2018
Publico Alvo : PERFIL DAS PESSOAS ATENDIDAS PELO PROJETO: PRIORIDADE: USUÁRIOS DE ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS QUE TENHAM PRATICADO CRIMES DE MENOR POTENCIAL OFENSIVO  OFENSORES - AQUELES COM PROBLEMAS DE USO, ABUSO OU DEPENDÊNCIA DE DROGA QUE ESTEJAM ENVOLVIDOS NA PRÁTICA DE DELITOS PREVISTOS NA LEGISLAÇÃO BRASILEIRA, DESDE QUE PRATICADOS SEM VIOLÊNCIA OU GRAVE AMEAÇA À PESSOA  VÍTIMAS - FAMÍLIAS E COMUNIDADES ATINGIDAS ALÉM DOS CASOS ACIMA, QUALQUER PESSOA QUE NECESSITE DE PROCESSO DE MEDIAÇÃO E RESTAURAÇÃO, A SABER: - FAMÍLIAS EM LITÍGIO - ADOLESCENTES EM CONFLITO COM A LEI - VÍTIMAS OU AGENTES DE VIOLÊNCIA NAS ESCOLAS E ABRIGOS - INDIVÍDUOS COM OU SEM DEFICIÊNCIA QUE TENHAM SEUS DIREITOS DENEGADOS - AFETADOS PELA INTOLERÂNCIA RELIGIOSA E QUALQUER FORMA DE PRECONCEITO DE GÊNERO, COR, ORIENTAÇÃO SEXUAL,CONDIÇÃO PSÍQUICA.
Local de atuação: MMI
Resumo
O Sistema Judiciário, infelizmente, focaliza mais a punição do que a restauração, assim prisões e internatos reforçam o comportamento negativo e perpetuam o circulo de violência, crime, e encarceramento, especialmente entre aqueles cuja raça, aparência, estilo de vida, representam, historicamente, condições econômicas e sociais desiguais. Em outra perspectiva, o Programa de Justiça Restaurativa representa possibilidade de acesso a conjunto de serviços de mediação e tratamento que visam a contribuir de forma efetiva para a superação de problemas legais, sociais e de saúde relacionados ao uso de álcool e de outras drogas, bem como de outras questões que exigem restauração dos danos causados aos indivíduos e à sociedade. Para a ONU, as abordagens restaurativas são vistas como excelentes meios para encorajar a expressão pacífica dos conflitos, promover a tolerância e a inclusão, construir o respeito à diversidade e promover práticas comunitárias responsáveis. A Justiça Restaurativa é uma abordagem para a resolução de problemas que, nas suas diversas formas, envolve a vítima, o infrator, as suas redes sociais, as agências de justiça e a comunidade.