Coordenador : José Antonio Miranda Sepulveda
Ano: 2020
Publico Alvo : A proposta é atender de forma geral a sociedade fluminense, com enfase em professores da rede pública de ensino. A ideia é mobilizar o maior número de pessoas nas diferentes atividades previstas neste programa. Os principais grupos que serão beneficiados : docentes e discentes de graduação e pós-graduação da Faculdade de Educação da Universidade Federal Fluminense. Todos servirão como multiplicadores da laicidade e da democracia. A previsão prevista abaixo tem como referencia a comunidade da Faculdade de Educação da UFF.
Local de atuação: SFP
Resumo
O foco deste programa é discutir a questão da laicidade no mundo contemporâneo, com o foco no Brasil, tendo em vista os problemas que envolvem a relação entre Estado e Religião. Entender os problemas referentes a direitos religiosos e o papel do Estado frente ao crescente aumento do discurso religioso nas sociedades ocidentais, em especial no campo da educação. Para isso algumas atividades serão desenvolvidas: 1 - manutenção do Observatório da Laicidade na Educação e melhoria das condições internas do Observatório; 2 - Manutenção da página do Observatório na internet (www.ole.uff.br); 3 - Promover o segundo Fórum de debates sobre o tema e 4 - Continuar a ministrar palestras em escolas públicas. O objetivo principal desse programa é desenvolver uma sociedade mais tolerante. Nos orientaremos a partir de uma bibliografia especializada e pelo material já coletado pelo Observatório, com destaque especial para a Declaração Universal da Laicidade no Século XXI, desenvolvida em 2005, por ocasião das comemorações do centenário da separação entre Estado e Igreja na França. Acreditamos que a laicidade é um dos mais importantes componentes de uma sociedade democrática. Defender a laicidade é defender a dignidade humana. As principais metas a serem alcançadas são: 1 - aprimorar e desenvolver nossa página na internet e 2 - Difundir e melhorar a cartilha sobre laicidade desenvolvida no ano de 2019. Por fim, afirmamos que a defesa da laicidade em um contexto de ascensão do fundamentalismo religioso se torna urgente.