Coordenador : Erika Vanessa Moreira Santos
Ano: 2020
Publico Alvo : Além dos agricultores urbanos e suas famílias, pretendemos abarcar os interessados na prática da agricultura urbana, alunos e professores (UFF e UENF), professores e alunos da rede municipal de educação. Acrescentamos os consumidores assíduos das hortas, os moradores dos bairros que existem as hortas ativas do Programa Ecohortas e potenciais consumidores sensibilizados pela rede virtual.
Local de atuação: GRC
Resumo
O objetivo central desse projeto é contribuir para a divulgação das hortas urbanas da cidade de Campos dos Goytacazes junto aos potenciais consumidores e agricultores urbanos inseridos nas hortas ativas. Almejamos, com este projeto, viabilizar a partir de estratégias e ações nas mídias alternativas e virtuais a valorização dos agricultores, dar visibilidade ao Programa Municipal hortas comunitárias e disseminar as informações atinentes sobre a agroecologia urbana. Atualmente, existem no banco de cadastro da Secretaria Municipal de Agricultura, 69 hortas cadastradas e ativas distribuídas em vários bairros do distrito-sede. Nos bairros onde há essas hortas, o projeto vislumbra ampliar a divulgação do programa, fomentando materiais de divulgação elaborados juntamente com os agricultores com o fito de sensibilizar os moradores quanto a importância do consumo de alimentos frescos. Vimos a necessidade de disseminação novas ações da agricultura urbana em bairros que não existem tal prática e integrar essas ações com o foco na segurança alimentar e nos princípios da agroecologia urbana. Para tanto, temos como procedimentos metodológicos: o levantamento bibliográfico, a utilização de dados do diagnóstico que já vem sendo realizado junto as hortas cadastradas, a preparação de materiais de divulgação (vídeos curtos, podcast, fotos, folders e gif) a ser disponibilizados no site da Prefeitura, nos principais canais de divulgação em âmbito local e na rede social (Facebook, Instagram). A Universidade deve atuar nos processos de comunicação colaborando para o conhecimento, divulgação e a ampliação da escala geográfica e social das políticas públicas fomentadas para o bem viver nas cidades.