Coordenador : Armando Cypriano Pires
Ano: 2020
Publico Alvo : As atividades de formação e vivência envolvem grupos comunitários (rurais e da periferia das urbes com acesso inadequado ao saneamento), comunidades escolares, comunidade universitária, trabalhadores (unidades de saúde, escolas locais e técnicos institucionais) e outros que expressarem interesse. O Inventário digital alcançará os Grupos Formativos em Saneamento Ecológico e as Instituições de Ensino Superior que ofereçem disciplinas, cursos e linhas de pesquisa e extensão em Saneamento Ecológico, buscando assim dialogar com outros portais e sítios como o da Agrocecologia em Rede e a rede Sustainable Sanitation Aliance (SuSanA).
Local de atuação: MPS
Resumo
O Projeto propõe o compartilhamento de saberes e de técnicas de Saneamento Ecológico nas comunidades rurais, em territórios de povos tradicionais, nas periferias das urbes e dentro da Universidade através do mapeamento e da produção de material (texto e visual) dos grupos e instituições que oferecem cursos de capacitação e espaços de vivências, estimulando assim, a formação de trabalhadores capacitados a atender as demandas por saneamento e o fortalecimento do papel do cidadão como ator político e social participando das etapas de diagnóstico e elaboração de propostas centradas em tecnologias eficientes e sustentáveis, que melhorem sua qualidade de vida, saúde, ambiente e trabalho. Neste ano será aprimorado o Inventário Digital com a introdução de materiais relativos aos espaços de vivências e de formação (incluindo universitária) em Saneamento Ecológico.