Coordenador : Elaine Alves Santos Melo
Ano: 2020
Publico Alvo : Licenciandos em Letras Professores de Língua Portuguesa
Local de atuação: GLC
Resumo
A ideia central é promover a legibilidade para o público em geral da percepção de gramática alcançada pelos estudos de linguística gerativa. Essa nova visão de gramática, internalizada, que se encontra na biologia humana, no cérebro humano, tem potencial de ser mais eficaz do que a gramática tradicional, baseada em prescrições normativas elitizadas para melhorar a capacidade de expressão dos alunos. Atingiremos estes objetivos a partir de aulas expositivas sobre (i) o arcabouço teórico da linguística Gerativa; (ii) sobre como esta Teoria pode ser aplicada na educação básica, especialmente, no desenvolvimento das aulas de sintaxe, morfologia e suas interfaces, tendo em vista regras do português brasileiro contemporâneo, ao contrário das regras prescritivas que, muitas vezes ignoram as mudanças linguísticas e as particularidades dialetais. Ao longo do curso, será proposto que os alunos exercitem os conhecimentos obtidos em aula com a elaboração de atividades práticas, que versem sobre o conteúdo programático da educação básica. Ao término do curso, na última aula, os alunos responderão um questionário em que apontarão as suas expectativas de aplicação da metodologia nas escolas. Posteriormente, eles serão convidados a fazer um relato da experiência, indicando como foi a recepção das crianças e adolescentes às práticas ativas adotadas no ensino de Língua Materna. Por fim, o relato nos permitirá dar às universidades envolvidas - curso será oferecido a partir de uma parceria da UFF e da UFRJ – um retorno sobre a efetiva aplicação do método na educação básica. Isto será, posteriormente, publicado em artigos científicos.